A magia regressou à Covilhã

Por Bárbara Seixas

AR, TERRA, FOGO e ÁGUA, eis os quatro elementos que serviram de tema para a 8ª edição do Feitiço. Este festival, organizado pela EncantaTuna, decorreu entre os dias 23 e 24 de fevereiro e teve lugar no Auditório da Faculdade de Ciências da Saúde.

Nesta edição concorreram quatro tunas: a Tuna Feminina da Escola Superior de Tecnologia de Saúde do Porto (TeSuna), a Tuna Feminina do Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (TFISEL), a Tuna Académica Feminina da Universidade do Minho (Tun’ao Minho) e a Tuna Feminina de Engenharia da Universidade do Minho (Tun’Obebes), que, com a ajuda de objetos representativos do elemento que lhes foi atribuído, divertiram e cativaram o público com músicas e teatros ligados ao tema.

A tuna da casa foi a primeira a atuar acompanhada por duas convidadas especiais, Catarina Costa e Margarida Oliveira, também elas pertencentes à EncantaTuna. As duas jovens dançaram enquanto as restantes colegas de tuna, de capa negra aos ombros e capuz, cantavam o tema “Mad World” de Gary Jules.

Cada tuna apresentou as suas músicas ao público, entre elas “Baianá” ou “Cores do Vento”, ambas cantadas pela TeSuna. “Rapazote” e “Sonho de Amor” foram duas das canções escolhidas pela TFISEL. A Tun’ao Minho presenteou os espetadores com “Sol de Inverno” e “Minho Traja de Negro”, entre outras. Por fim, “Passou por mim e sorriu” e “Capas Negras”, música que dedicaram a todos os estudantes e ex-estudantes, foram duas das apresentadas pela Tun’Obebes.

Rúben Neves, também ele um dos convidados especiais, foi o último a entrar em palco, onde, entre outras músicas, cantou em uníssono com os espetadores “Use Somebody” dos Kings of Leon, enquanto tocava guitarra.

As quatro tunas competiram por diversos prémios, que foram anunciados no final da noite: Melhor Adaptação ao Tema, Melhor Original e Melhor Solista foram os prémios ganhos pela TFISEL; Melhor Instrumental e Melhor Pandeireta, ganhos pela TeSuna; Melhor Estandarte para a Tun’ao Minho e por fim, os prémios de Melhor PassaCalles, Melhor Serenata e Melhor Tuna foram entregues à Tun’Obebes.

Marta Antunes, mãe de uma das caloiras da EncantaTuna, sublinhou que a sua tuna preferida foi a vencedora do prémio “Melhor Tuna”. “Foi uma apresentação fantástica, gostei imenso, foi para mim a melhor tuna a concurso”, afirmou.

Para além do espetáculo, decorreram mais três eventos no âmbito do “VIII Feitiço”. No dia 24 decorreram atrás da Câmara Municipal da Covilhã as serenatas, seguindo-se o “warm-up” no bar Leões da Floresta. E na noite de 24 para 25, depois de serem anunciados os prémios, o “after-party” decorreu na discoteca Companhia Club, onde a Tun’ao Minho arrecadou mais um prémio, o de Tuna + Tuna.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s